O Rapidão da Notícia
Como destaca o colunista do G1, Matheus Leitão, a Polícia Federal apura se Valdevan 90 (PSC), deputado federal eleito por Sergipe e preso na última sexta-feira, 7, em Aracaju, durante a Operação Extraneus, tem ligações com a organização criminosa  Primeiro Comando da Capital (PCC).
Um grupo da PF que monitora facções criminosas apontou indícios de envolvimento entre o deputado eleito e o PCC. Os policias apuraram que Valdevan Noventa, apesar de ter sido eleito por Sergipe, não tem ligações com a região. As investigações indicam que, durante a campanha eleitoral, ele usou “laranjas”.
Eleito no pleito do dia 7 de outubro, Noventa obteve mais de 45 mil votos.
Por Daniel Villas-Bôas
*Com informações do G1

Comentários

Postagem Anterior Próxima Postagem