Tribunal entendeu que grupamento faz oposição ao presidente.

Acatando uma ação movida pela coligação encabeçada pelo deputado federal e candidato ao Governo de Sergipe, Valadares Filho (PSB), nesta segunda-feira, 10, a justiça eleitoral, através do juiz Fábio Cordeiro de Lima, decidiu,  de maneira liminar,  proibir o atual governador e candidato a reeleição, Belivaldo Chagas (PSD), de se referir ao grupamento como ” a turma do Temer”.
Segundo o entendimento do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), os Valadares fazem oposição ao governo federal e assim, Belivaldo não deve associá-los ao emedebista.
Por Daniel Villas-Bôas
Da redação Xodó News

Comentários

Postagem Anterior Próxima Postagem