BANESE está prestes à contratar cerca de 30 pessoas para fabricar máscaras de tecido em Tobias Barreto




Atendendo pleito da população de Tobias Barreto e com a interlocução do Ministério Público, o Banese vai criar de linhas de crédito e fazer renegociações para comerciantes de Tobias Barreto.
O Promotor de Justiça Dr. Paulo José apresentou, na tarde desta segunda-feira (06), à gerencia Estadual do Banco do Estado de Sergipe (Banese) uma série de pedidos, entre eles a criação de linhas de crédito emergenciais. O objetivo é atender a micro, pequenos, médios e grandes empresários, bem como aqueles que atuam na informalidade, por conta dos prejuízos provocados na economia local pela pandemia do coronavírus (Covid-19).
Em um vídeo destinado à população de Tobias Barreto a senhora Olga que está respondendo interinamente pela Presidência do Banese disse que o Banco está à disposição de todos os empresários de Tobias e forneceu em primeira mão um plano de ação do banco para ajudar os empresários e ambulantes da capital do bordado , disponibilizando o gerente local , Oliveira, para operacionalizar as transações.
Tocador de vídeo
00:00
01:30
Por fim, o Instituto Banese está em fase final de conclusão para instalar uma pequena fábrica de máscaras de tecidos em Tobias Barreto com a contratação de pelo menos trinta pessoas.
Dr. Paulo José, agradeceu o contato da presidência do Banese e colocou -se à disposição para novas intermediações em prol da população de Tobias Barreto.

Por Adissandro Pinheiro, Direto da redação
Fonte: Ministério Publico de Tobias Barreto

Nenhum comentário