Polícias Civil e Militar realizam operação e homicida morre em confronto no Vale do Cotinguiba

Policiais civis da Delegacia de Capela, da Coordenadoria de Polícia Civil do Interior (COPCI) e policiais militares do 9° Batalhão realizaram uma operação nesta quarta-feira, 20, para cumprir os mandados de prisão de Diógenes dos Santos, 26 anos, e Marcos dos Santos, o “Marquinhos”. Diógenes morreu em confronto com os policiais. O delegado Wanderson Bastos, da Delegacia de Capela, apresentou o resultado da operação em entrevista coletiva realizada na manhã desta quinta-feira (21), na sala de imprensa da SSP.

Os dois criminosos e um terceiro suspeito ainda não identificado, são suspeitos de cometer vários homicídios, dentre os quais o homicídio do comerciante Osmar Lima dos Anjos, ocorrido em 27 de junho de 2016, na cidade de Capela.  Com Diógenes, a polícia apreendeu uma pistola Taurus calibre 380 e evidências apontam o envolvimento dele com uma rede de pistolagem em Capela.

Segundo o delegado Wanderson Bastos, durante o trabalho de rotina policial, um homem conhecido como “Binho” foi preso por ter cometido violência doméstica contra sua esposa. Na oportunidade, ele estava utilizando uma bolsa de colostomia e contou aos policiais que tinha levado alguns tiros em razão de querer sair da pistolagem e que Diogénis o impediu", disse Wanderson.

As diligências continuam para identificar outras pessoas que estejam envolvidas na pistolagem. “Mais prisões irão acontecer e as investigações apenas estão no início, pois outros envolvidos em pistolagem certamente serão tirados de circulação” explicou o delegado Wanderson Bastos.

Fonte:SSP/SE

Nenhum comentário