Acusado por Feminicídio em Tobias Barreto, detalha como assassinou a comerciante

No final da tarde desta quinta-feira 16, em uma entrevista a equipe de reportagem da Rede Xodó de Comunicação, o servente de pedreiro, Ireno Arcanjo de Souza 49 anos, acusado de cometer o feminicídio que vitimou a sua namorada, a comerciante Valdenice Pereira da Silva, 51 anos, detalhou passo a passo, como fez para matar a vítima.

Ele conta que chegou na residência da companheira, com quem mantia um relacionamento de aproximadamente 10 meses e encontrou ela com outro homem na segunda-feira a noite, sem discutir, ele pegou um pedaço de madeira e acertou na cabeça de Valdenice, por três vezes, momento em que ela estava de costas, com a mesma madeira perfurou o corpo da comerciante por diversas vezes e também utilizou uma faca. Depois de cometer o crime, o servente de pedreiro fechou a porta e fugiu para a casa de uma irmã dele, situada no conjunto Padre Pedro em Tobias Barreto (SE), questionado sobre o homem que estava na residência, ele disse que teria corrido.

A vítima foi encontrada no dia seguinte por volta das 13h por familiares e a polícia civil elucidou o caso em menos de 24h com a prisão de Ireno, que confessou o crime. O delegado Dr Fábio Alan, informou que as investigações não dão indícios de que havia uma terceira pessoa na residência, e que o servente de pedreiro estaria usando a versão de uma suposta traição para querer justificar o crime. Ireno que continua preso na delegacia regional de Tobias Barreto, já respondia por lesão corporal, em setembro do ano passado, ele agrediu a ex- mulher batendo ela com um facão.
                                   Vítima
Repórter Elenilton Santos: O Rapidão da Notícia.
Jornalismo: Rede Xodó de Comunicação.

#aquitemnoticias.
www.orapidaodanoticia.com.br
Parceiro:  Informações Policiais.

Nenhum comentário