Menino de 12 anos tem três dedos da mão amputados após tentar soltar fogos de artifício

Um menino de 12 anos é uma das vítimas de queimaduras provocadas por fogos de artifício atendidas pelo Hospital de Urgência de Sergipe (Huse), em Aracaju, durante o período junino.
Segundo a irmã da criança, Michele Oliveira, no último domingo ele se preparava para soltar fogos quando um deles explodiu em sua mão.
“Eu recebi ligações dos vizinhos relatando que meu irmão foi soltar uma bomba com um vizinho e a bomba acabou estourando na mão dele. Aí foi uma correria. A lesão foi muito extensa, mas conseguiram trazer ele para o Huse”, disse a irmã do jovem.
Ainda de acordo com ela, o menino foi operado e teve três dedos amputados em virtude dos ferimentos. “Foi feita uma cirurgia de emergência e infelizmente tiveram que amputar três dedos. É assustador”, completou Michele.
Segundo a gerente da equipe da Unidade de Tratamento de Queimados, Elmara Salgado, o alerta para os riscos do manuseio de fogos é ainda maior este ano em virtude da realização da Copa do Mundo. “Já tivemos duas crianças internadas por causa dos fogos de artifícios e uma delas foi justamente no jogo do Brasil”, disse a gerente.
A gerente destacou também que em caso de queimaduras, a orientação é procurar o mais rápido possível uma unidade de saúde. “No caso de queimadura, o ideal é resfriar o local. Caso alguma roupa esteja queimanda, deve-se retirar, molhar com água corrente e encaminhar para a unidade de atendimento mais próxima”, destacou Elmara.
A gerente informou também que dos 37 casos relacionados a queimaduras, que deram entrada no hospital, 10 foram relacionados à fogos de artifício.
Por G1 SE

Nenhum comentário